Prefeitura de Lauro de Freitas implanta “Vagas Vivas” com parcerias privadas.

Compartilhe a matéria

Seguindo a tendência mundial já vistas nas grandes metrópoles, a Prefeitura de Lauro de Freitas, através da SEPLAN -Secretaria de Planejamento, Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico de Lauro de Freitas, desenvolveu um projeto piloto com o Restaurante Mariposa-Vilas do Atlântico, disponibilizando vagas de estacionamento de veículos para o uso harmônico e sustentável dos cidadãos.

Segundo a proprietária do estabelecimento localizado na Avenida Praia de Itapoan, Déborah Almeida, “o projeto contou com o apoio total do Mariposa porque busca privilegiar o cidadão, cada vez mais vitimado pelo crescimento desordenado das cidades. Humanizar, com a criação de espaços sustentáveis no ambiente urbano, é indispensável na gestão das grandes cidades”, concluiu.
Para o titular da SEPLAN, Mauro Cardim, “ a implantação do projeto Vagas Vivas em pontos urbanos estratégicos passou pela transversalidade e entendimento com outras Secretarias da gestão Moema Gramacho, especialmente a SETTOP e a SEDUR. Estamos empolgadas com a implantação deste primeiro passo envolvendo um parceiro privado do município”.

As vagas vivas seguem o conceito de parklets.

Parklets são áreas contíguas às calçadas, onde são construídas estruturas a fim de criar espaços de lazer e convívio onde anteriormente havia vagas de estacionamento de carros. Os primeiros parkletsforam construídos em San Francisco, buscando-se criar ambientes mais amigáveis para pedestres e ciclistas.


A diretora de projetos da SEPLAN, a arquiteta Adriana Pires, destacou “a Prefeitura inova também ao priorizar a implantação de mais espaços públicos de convivência para o cidadão, resgatando o conceito de cidade priorizando o cidadão e a qualidade de vida”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *